InícioFAQBuscarRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Paull K. Schneider

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Paull K. Schneider




MensagemAssunto: Paull K. Schneider   Ter 29 Jun 2010, 11:45 am





# Dados do Jogador #

Nome Completo: Marcos Vinicius Miranda Santos

Idade: 14

E-mail ou MSN: marcosvms_96@hotmail.com

Cidade: Salvador

Já jogou RPG em fórum antes? Qual? Sim, RPG durmstrang (esse)

Já tem personagens em Durmstrang Qual(ais)? Apenas esse

Como ficou sabendo de Durmstrang? Já joguei antes.

Com que frequência entra no RPG? 3 vezes na semana

# Dados do Personagem #

Nome Completo: Paull K. Schneider (peço que altere o meu nome)

Sangue: Mestiço

Data de Nascimento: 15/07/2014

Idade: 15

Local de Nascimento:
Inglaterra, Londres

Onde Mora Atualmente? Instituto de Magia e Bruxaria de Durmstrang

# Dados Familiares #

Nome do Pai: Frederick K Schneider

Nome da Mãe: Helena K Schneider

Nome do (s) Irmão (s): Não tem


Nome dos Avós: Peter K Schneider e Julliana K Schneider

Outros: X

História do Sobrenome: x

Situação financeira da família:
Pobre

# Dados Físicos #

Altura: 1, 80

Cabelo: Preto


Olhos: azuis

Estrutura do corpo: físico atletico

Avatar:
James Madsen


# Dados Psicológicos #

Personalidade: Imperativo, gosta de estar sempre no controle, mas também é bem tranqüilo, procura não arranjar confusões

Anseios:
Virar um membro da * A Ordem*

Qualidades:
Corajoso, Leal e Calmo

Defeitos:
Imperativo, acha que pode resolver tudo e desafiador demais

Medos:
perder uma pessoa querida

Habilidade: X


# Dados Escolares #

Ano: [ ] 5° ano | [ ] 6° ano | [ x] 7° ano

Casa: [x ] Ansuz | [ ] Berkana | [ ] Mannaz | [ ] Othila

Monitoria: [x ] Sim | [ ] Não

Vassoura: Nimbus 2029





Varinha:
Cedro, núcleo de escama de dragão 20 centímetros




Animal de Estimação: lagarto tamanho medio


Última edição por Paull K. Schneider em Sex 09 Jul 2010, 7:01 pm, editado 4 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Paull K. Schneider




MensagemAssunto: Re: Paull K. Schneider   Ter 29 Jun 2010, 11:52 am

Historia do personagem
2014 - Meus pais se conheceram quando ainda trabalhavam em um pequeno bar trouxa em Londres. Mãe faxineira e pai garçom, então, está obvio que eu era uma criança pobre. Eles se casaram dois meses depois de se conhecer, e tiveram um filho, eu, no mesmo ano de casamento. Nasci em um casebre perto de um lago enorme, onde os pescadores trouxas se utilizavam da quantidade abundante de peixes para vender em vilarejos locais.
2020 – 2021 Apesar de ser filho de dois bruxos, estava demorando a apresentar algum sinal de magia, o que preocupava os meus pais. Como não tinham dinheiro para me levar em hospitais bruxos, ficavam com medo de que eu fosse um aborto. Levaram-me para a casa de um dos parentes da família, a minha vó, que por ser uma funcionária do St. Mungos conhecia um pouco sobre o atraso da apresentação de magia. Estava difícil até para ela entender o que se passava comigo. Era uma noite tranqüila na rua onde minha vó morava, mas algo estava diferente aquela noite, e parecia que só eu estava notando uma presença a mais na sala, me mexia para todos os lados, tentava falar com os meus pais, mas eles só mandavam eu ficar quieto e me sentar, diziam que eu estava atrapalhando a conversa. Mas eles iam pagar um grande castigo por não terem me ouvido, um lampejo verde atravessou a sala e atingiu o meu pai em cheio, logo outros dois atingiram respectivamente minha mãe e minha avó, e eu me escondi atrás do sofá sem saber o que acontecia. Ouvia passos bruscos por toda a sala, e eu tentava não chorar, eu vi uma sombra por trás de mim, e um braço me puxou pela camisa, eu fechei os olhos e quando os abri novamente estava em frente a uma grande casa, na qual se dizia *Orfanato Jaaques Mardoof*. Havia uma campainha ao lado direito do portão e eu a apertei. Uma mulher com roupas de secretaria me atendeu e me levou até o salão principal da casa, me fez um bocado de perguntas, e logo, me liberou e me guiou para um quarto solitário com apenas um armário e uma cama.
2024 – Um ano já havia se passado no Orfanato e coisas estranhas começaram a acontecer em volta de minha vida, eu bati em um menino sem nem encostar nele, eu queimei o dever de casa sem nem saber como. Sempre que eu não gostava das coisas elas simplesmente sumiam. Eu fui deixado isolado no Orfanato por decisão dos professores, e só os médicos entravam nos quartos para falar comigo, mas nada adiantava, e fui expulso do Orfanato com apenas algumas moedas trouxas para sobreviver. Eu tinha apenas dez anos e tive que me virar por um bom tempo. Trabalhei de limpador de carro até a engraxador de sapatos, mas sempre acontecia algo com os carros e os demais objetos e pessoas na qual eu trabalhava. Depois de alguns meses comecei a receber sinais estranhos, me chamando para ir atém algum lugar, eu não sabia aonde era, mas sempre seguia andando. Depois de um mês inteiro seguindo os pequenos Sinai cheguei a um castelo, onde um homem velho parecia que estava aguardando a minha chegada, ele abriu os braços e me recebeu. Ele me explicou o que havia acontecido por todo esse tempo comigo, e que eu era um bruxo. Eu entrei no castelo com trapos velhos e desgastados, por isso, fui motivo de piada por todos os alunos daquela instituição. Aquela era Hogwarts, uma escola de magia e bruxaria da Inglaterra, mas eu ia passar pouco tempo lá.
2025 – Eu era discriminado por muitos alunos daquele lugar, porque eu era órfão, pobre, e não sabia controlar a minha magia direito, me atrapalhando em várias situações, já que eu não podia estudar lá por não ter completado a idade apropriada para iniciar na escola, então, muitas vezes ajudava os funcionários do castelo, então eu era alvo de brincadeiras por muitos alunos. Quando completei meus onze anos de idade a ansiedade de estudar magia era bem maior, mas recebi uma mensagem, eu ia ser transferido de Hogwarts para Durmstrang, uma outra famosa instituição de magia e bruxaria. O motivo era que eu ainda sofria muito nas mãos dos alunos então eu teria que mudar de instituição para que eu pudesse estudar em paz. Fui transferido para lá, e no dia seguinte eu teria que ser selecionado para uma das casas segunda a minha personalidade, e logo fui eleito para a Ansuz.
2028 – Eu havia feito vários amigos e amigas durante todos esses anos, mas eu ainda teria uma aventura mais perigosa a enfrentar. Eu fui andar pela floresta perto da instituição em busca de algum aluno que teria coragem de duelar fora dos limites do colégio, mas já estava ficando tarde, então, resolvi voltar, mas, alguma coisa havia tocado em meu ombro, e logo quando virei vi que era um homem todo vestido de preto, que me deu um soco na cara e eu apaguei. Quando eu acordei parecia que tinha tomado um litro de tequila e ter sofrido um coma alcoólico, tudo em mim doía. Havia uma brecha nas paredes de madeira que me cercavam, e eu ouvi alguns homens conversando *O que foi que você deu a ele? Faz três meses que ele não acorda, e mesmo assim não parece está morto!* parecia que eu tinha sido raptado há muito tempo atrás, e não ter acordado mais, realmente eu tinha sofrido um coma. Eu não estava entendendo nada, Procurava saídas para fugir daquele lugar. De repente alguém abre a porta e eu me escondo atrás de alguns vasos de cimento no canto da sala. *Cadê o garoto!*, Eles estavam desesperados, mas porque me raptaram? Eu realmente não entendia nada. Vi que o homem estava tão preocupado em me achar que deixou as guardas abertas, então peguei a varinha que estava no meu bolso, e mirei nele *Rictusempra!* Ele caiu no chão, e eu aproveitei para correr. Eu estava perto do colégio, reconhecia a floresta e então sabia a direção, corria sem olhar para trás, o que foi um erro, porque senti um forte ataque em minhas costas o que me derrubou. Consegui me levantar, e continuar a seguir o caminho, mas estava mancando, e os homens continuavam a lançar feitiços, mas poucos passavam perto de mim, algo impedia que eles prosseguissem a me perseguir, quando virei o rosto vi que estava chegando ao colégio.
2028 – 2029 - Muitas pessoas ainda me olhavam estranho, tentando descobrir por que eu havia sumido todo esse tempo, alguns até me perguntavam, e minha resposta era sempre, *Ainda não sei*, o que deixava algumas pessoas chateadas, pensando que eu não queria dizer ou algo do tipo, mas era verdade, eu não sabia. Eu era chamado varias vezes pelo diretor, tentando saber se eu me lembrava de algo, eu só sabia da minha fuga, nada mais que isso.
2029 – O ano tinha acabado de começar, e eu já estava voltando a ter uma vida mais tranqüila, algo me dizia que não será sempre assim, e que coisas piores iram acontecer comigo. Nesse ano o que eu mais gostava de fazer era ir para a aula de poções e conversar de madrugada com os amigos da Ansuz, que sempre ficavam acordados até tarde, infelizmente a minha coruja havia morrido e tive que trocar ela por um lagarto de tamanho mediano, que deixava sempre no quarto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Shadow




MensagemAssunto: Re: Paull K. Schneider   Sab 10 Jul 2010, 8:24 am

Olá Sr. Schneider

Aviso: Não sou eu selecionador de sua casa. Mas como não há presença do selecionador da mesma, eu irei cuidar de sua entrada aos portões de Durms..

Devo-lhe desculpas pela demora. Pisces estava trabalhando em maior escala e viajando, mas já poderá ser selecionado.

Lembrando que sua ficha esta em 6º Lugar então deveria ser selecionado pela ordem, mas já que esta RECLAMANDO demasiadamente, irei cuidar pessoalmente de sua seleção.



Dados do jogador:

- Ok.

Dados do personagem:

- Peço que altere seu local de moradia.

~ O Instituto é apenas o local onde estuda. Queremos saber o local onde dorme no seu dias de férias.

Dados familiares:

- É impossivel que seus familiares tenha o mesmo sobrenome. Peço que diferencie o sobrenome dos seus avós Paternos e Maternos.

Dados fisicos:

- Corrija o nome de seu PP para James Marsden.

Dados Psicológicos:


- OkOk QQ.

Dados escolares:

- Como tem 15 anos, peço que assinale o 5º Ano para ingressar no Instituto de magia Durmstrang.

- Retire as imagens de varinha e Vassoura, ja que as mesmas desconfiguram a sua ficha.

- Me diga algumas informações sobre seu animal de estimação.

~ Onde ele dorme?

~ O que ele come?

~ Pode ficar sozinho?

~ Onde ele passa os períodos? Matutino, Vespertino e Noturno?

História:

- Em Avaliação! Aguardo edições acima.

BBCODE:

- TRÁGICO!

~ Retire os erros que estão a mostra como simbolos e quebras. Altere as cores que estão em vermelho e preto, pois elas são excessivamente escuras.


Aguardo Alteração
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Paull K. Schneider   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Paull K. Schneider
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Manual do Usuário :: Cemitério-
Ir para: